O que são Fintechs

o-que-são-fintechs

Ainda não compreende completamente o que são Fintechs e a sua  importância no mercado de Pagamentos? Então você está no lugar certo.

Se você pretende atuar no segmento de Meios de Pagamentos, já deve ter percebido que este é um setor bastante complexo aqui no Brasil.

Desde quando você passa o seu cartão no terminal POS, as famosas  maquininhas de cartão, até o momento em que a transação é confirmada, seus dados percorrem um caminho que passa por algumas instituições para garantir que o pagamento seja realizado. Entre elas estão as bandeiras de cartões, os bancos, as Operadoras de Telecom, Adquirentes, Subadquirentes, entre outros.

Nesse contexto, um modelo que se popularizou bastante no Brasil foi o das “Fintechs”, termo que denomina empresas de tecnologia que atuam no mercado financeiro.

Neste artigo você vai ver como este segmento tem crescido no Brasil, o que são Fintechs, as complexidades do setor e o que estas empresas devem buscar nos parceiros para transações com cartões.

Crescimento do Mercado de Pagamentos


Houve um amplo crescimento do número de empresas atuando no Mercado de Pagamentos recentemente. Podemos destacar os bancos digitais e as Fintechs de Pagamentos, por exemplo. De forma geral, este é um mercado que não para de crescer.

Segundo o balanço da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (ABECS), o setor encerrou o 1º trimestre de 2021 com crescimento de 17,3%.

Foram mais de 6,5 bilhões de transações com cartões, o equivalente a 50 mil pagamentos por minuto.

Em entrevista ao jornal Valor Econômico, o integrante do conselho da Associação Brasileira de Fintechs (ABFintechs), José Luiz Rodrigues, disse que ainda há muito espaço de crescimento para novos modelos de negócios digitais no setor financeiro.

Ou seja, entrar neste mercado com um serviço de qualidade e diferenciado é uma ótima oportunidade.

O que são Fintechs?


Traduzindo de forma literal, Fintech é a abreviação das palavras em inglês “financial” e “technology”. Ou seja, ela representa a tecnologia financeira. Assim, esse termo é usado para designar negócios financeiros com um forte apelo tecnológico, totalmente digitais.

Nesses negócios, o uso da tecnologia é o principal diferencial em relação às empresas tradicionais do setor. As soluções que essas Fintechs oferecem podem ser de diferentes tipos, como cartão de crédito, conta digital e empréstimos, por exemplo.

Diante de tudo isso, esse mercado está crescendo. Porque o setor financeiro demanda soluções cada vez mais criativas para atender melhor o seu cliente.

Esta é uma tendência mundial de inovação e ela conseguiu transformar a relação das pessoas com o dinheiro.

Para ilustrar, podemos citar um estudo do Finnovation feito em setembro de 2019, ele mostrou que o número de Fintechs no Brasil era de 504. Porém, em todo o mundo, elas já somam mais de 5,5 mil.

Muitos dos serviços oferecidos pelas Fintechs são encontrados em smartphones. Geralmente, o usuário final nem sente o custo disso. Essas empresas buscam desburocratizar serviços e criar plataformas mais intuitivas, tudo isso com foco no usuário final. Assim, as Fintechs conseguem criar soluções financeiras inéditas.

Um exemplo de Fintech, é a Quero2Pay. Ela é uma cliente da TNS que oferece soluções de pagamentos para pequenos e médios empreendedores.

Complexidade do Mercado de Pagamentos exige cautela


A complexidade deste segmento exige cautela no momento de escolher os fornecedores com os quais  trabalhar. Também é preciso estar atento a todas as possibilidades para fazer as melhores escolhas.

Por exemplo, se você possui ou deseja montar uma Fintech de Pagamentos, vai precisar dos terminais POS, que são as famosas maquininhas de cartão.

Além disso, também precisará da conectividade para transmissão de dados, de um software embarcado neste terminal e de um adquirente credenciado pelas bandeiras de cartão com as quais vai trabalhar.

E um ponto que faz toda a diferença, ter um parceiro capaz de realizar uma gestão segura da comunicação de todos os dados que são transmitidos nesta transação.

Afinal de contas, você não vai querer arriscar ter prejuízos por fraude ou perder o controle da gestão do seu negócio.

Outro ponto importante para garantir um serviço de qualidade é se atentar para o suporte que o seu parceiro de conectividade disponibiliza, pois seus clientes certamente ficarão insatisfeitos se tiverem indisponibilidade ou variações nas suas conexões.

Conclusão


Como vimos anteriormente, o mercado de Meios de Pagamentos está crescendo de forma acelerada no Brasil. E isso é muito positivo para as Fintechs, mas também implica em um aumento de competitividade.

Neste contexto, destacam-se aquelas empresas que contam com soluções seguras e parceiros confiáveis, com experiência de mercado e inovação constante.

Com mais de 10 anos de atuação no mercado brasileiro, a TNS é uma das maiores do mundo em conectividade para Meios de Pagamento.

Ela foi fundada há mais de 30 anos nos Estados Unidos e seu extenso portfólio de serviços inovadores de valor agregado, permite que milhares de organizações em mais de 60 países possam processar dados de pagamentos com segurança.

Entre outros requisitos de segurança, os parceiros da TNS têm acesso a um ambiente de alta disponibilidade com data centers redundantes, certificação PCI DSS e controle total da base de SIM Cards, com acesso direto ao sistema.

Além disso, também há a possibilidade de bloquear SIM Cards em caso de fraude ou uso excessivo por meio da plataforma de gestão e controle de dados LSM e um Suporte Técnico 24x7x365 prestado por uma equipe de especialistas altamente qualificados. 

Na TNS seu negócio conta com um atendimento consultivo, que acompanha de perto o desenvolvimento do seu negócio e contribui para a escalabilidade.

Assim, fale com um de nossos consultores para tirar suas dúvidas e saber mais sobre a TNS.

Deixe seu comentário, crítica ou sugestão


Ao acessar o nosso site, você concorda com o uso de cookies para analisar e produzir conteúdo e anúncios adaptados aos seus interesses. Leia nossa Política de Cookies.